GUARDA MUNICIPAL PARTICIPA DE CAPACITAÇÃO SOBRE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

GUARDA MUNICIPAL PARTICIPA DE CAPACITAÇÃO SOBRE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Hoje, 25, na Sala do Júri do Fórum de Marabá, em decorrência de convite da 3ª Vara Criminal, diversos membros da Secretaria Municipal de Segurança Institucional (SMSI), junto com policiais militares, participaram de uma capacitação relativa à Lei Maria da Penha, objetivando a formação de agentes de segurança no atendimento à violência doméstica.

Depois da apresentação dos participantes e respectiva coordenação do treinamento, a capacitação iniciou com resposta à pergunta: O que é violência doméstica e familiar contra a mulher?

Muitas interpretações foram apresentadas, destacando-se a definição “ato praticado no ambiente familiar por quem a mulher tem afeto, que lhe cause violência física ou moral.

Por sua vez, Roberto Lemos Dias, comandante da Guarda Municipal, valeu-se da própria Lei 11.340 para definir a violência doméstica. Algumas pessoas foram além da definição e apresentaram soluções para a celeridade no atendimento às vítimas desse tipo violência.

A solução apresentada por Jair Barata Guimarães, titular da SMSI, para celeridade dos processos relativos à violência contra a mulher, é a mudança do sistema de polícia do Brasil, criando a figura do “policial de ciclo completo”, adotado em diversos países, onde o próprio agente de segurança faz o BO e o encaminha à Justiça.

Programação – De acordo com Raiane Freitas, pedagoga do Setor Multidisciplinar das Varas de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, ontem, 24, foi apresentado o Projeto Judiciário na Escola no Combate à Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, prestigiado pelo secretário municipal de Educação Luciano Dias e educadores.

Deixar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *